Home » Política » Wagner cede e está inclinado a apoiar candidato do DEM à presidência do Senado
- Atualizado em 08/01/21 às 07h52

Wagner cede e está inclinado a apoiar candidato do DEM à presidência do Senado

Senador do DEM é apadrinhado do Davi Alcolumbre, atual presidente do Senado, e tem o apoio e empenho de ACM Neto

Foto: Manu Dias / Secom

Redação VN
redacao@varelanoticias.com.br

O senador Jaques Wagner (PT) está inclinado a apoiar, junto com a bancada do PT no Senado, o nome de Rodrigo Pacheco, do DEM, para a presidência da Casa.

O senador do DEM é apadrinhado do Davi Alcolumbre, atual presidente do Senado, e tem o apoio e empenho de ACM Neto, presidente nacional da legenda, para ser eleito.

No último mês, notícias apontaram que Wagner estaria tentando convencer o PT a não apoiar um candidato do DEM para comandar o Congresso Nacional. Isso porque uma vitória do partido fortaleceria ACM Neto e seus planos de ser candidato a governador da Bahia em 2022.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

Também pré-candidato, Wagner deve enfrentar o próprio Neto nas urnas. No entanto, segundo o jornal Valor Ecomômico, os seis senadores do PT estão inclinados a negociar o apoio a Rodrigo Pacheco em troca de cargos em comissão.

Nos bastidores, os dirigentes do DEM demonstram otimismo com a possibilidade de a aliança ser concretizada, apesar da rivalidade entre os petistas e democratas na Bahia.

Tópicos:
Link:


COMENTÁRIOS
RELACIONADAS
-->

-->