Home » Entretenimento » Famosos » Mayra Cardi é investigada pelo MP por crime de bigamia, diz site
- Atualizado em 17/12/20 às 15h30

Mayra Cardi é investigada pelo MP por crime de bigamia, diz site

Ex-BBB casou com Arthur Aguir sem oficializar separação com ex-marido nos EUA

Foto: Reprodução Redes Sociais

Redação VN
redacao@varelanoticias.com

Comentado durante todo o ano, o processo de separação de Mayra Cardi e Arthur Aguiar ganhou mais um novo episódio. Dessa vez, a coach está sendo investigada pela Justiça pelo possível crime de bigamia por ter casado com o cantor antes de oficializar o divócio com o ex-marido, o empresário Egil Greto Guarize. As informações são do site Notícias da TV. 

De acordo com o site, após o escândalo das traições, Arthur ameaçou processar a ex-companheira na Justiça em busca de reparações financeiras.

Logo em seguida, os advogados da empresária tentaram converter o casamento com Guarize, que ocorreu em 2014 nos EUA, em matrimônio no Brasil para anular a união com Aguiar, com quem subiu ao altar em 2017. 

Em decisão, os juízes do caso informaram que tanto o primeiro e o segundo casamento de Mayra são válidos, sendo uma ação criminosa diante das leis brasileiras. O Ministério Público foi acionado e investigará o caso. 

A bigamia (oficializar união com um nova pessoa, sendo legalmente casado com outra) no Brasil é uma prática criminosa de acordo com o artigo 325 do Código Penal brasileiro, sendo a pena de dois á seis anos de reclusão.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

Leia mais:

Após traições, Arthur Aguiar está disposto a reconquistar Mayra Cardi

Mayra Cardi é bloqueada em site de relacionamento e lamenta: “Gostaria de flertar”

Vídeo: Mayra Cardi revela que parou de fazer depilação e quer ver tranças nos pelos: “Minha Claudia Ohana”

Ex de Arthur Aguiar, Mayra Cardi diz que descobriu mais de 50 amantes do ator: “Nojento e asqueroso”



COMENTÁRIOS
RELACIONADAS
-->

-->