Home » Notícias » Salvador » Jovens de 16 e 18 anos são detidos por suspeita de esfaquear e torturar cabeleireiro
- Atualizado em 25/10/20 às 11h21

Jovens de 16 e 18 anos são detidos por suspeita de esfaquear e torturar cabeleireiro

Crime de homofobia é descartado por policiais

Foto: redes sociais/PM

Redação VN
redacao@varelanoticias.com.br

Dois jovens, de 16 e 18 anos, foram detidos pela polícia por suspeita de ter esfaqueado, torturado, agredido, além de ter arrancado o couro cabeludo do cabeleireiro Rauan Pereira dos Santos, de 29 anos. O maior de idade, Elisson Tiago dos Santos Silva, foi preso, enquanto o menor, foi detido.

O crime aconteceu na Vila Ruy Barbosa, em Salvador, porém, os suspeitos foram encontrados no bairro do Uruguai, com diversos materiais da vítima, incluindo a moto, o que aponta que o crime foi uma tentativa de latrocínio e não homofobia. 

Os jovens foram encontrados pela 17ª Companhia da Polícia Militar (CIPM) após denúncias anônimas. Quando encontrada, a dupla carregava a chave de uma motocicleta, cuja placa apontava restrição de roubo. Ao examinarem a motocicleta, os agentes acharam, no compartimento do veículo, os materiais do salão de beleza do cabeleireiro.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

Após serem pressionados, os jovens confessaram ter roubado e tentado matar Rauan. Além da moto, com os materiais de trabalho, um Iphone X foi levado pelos suspeitos e vendido a uma outra pessoa, que ainda não foi localizada.

Elisson foi levado para a Delegacia de Furtos e Roubos de Veículos, onde ficará custodiado. Já o menor de idade foi conduzido para a Delegacia do Adolescente Infrator.



COMENTÁRIOS
RELACIONADAS