Home » Notícias » Polícia » Jovem designer é morto a tiros na Boca do Rio; família suspeita de homofobia
- Atualizado em 04/01/21 às 18h42

Jovem designer é morto a tiros na Boca do Rio; família suspeita de homofobia

Nesta terça (5), acontece a missa de 7o. dia de Wendell Moura

Foto: Reprodução/Instagram

Redação VN
redacao@varelanoticias.com.br

O jovem Wendell Moura dos Santos de 35 anos foi assassinado a tiros na última terça-feira (29), no bairro da Boca do Rio. Segundo relatos, ele havia saído para andar de bicicleta quando, horas depois, o corpo foi encontrado pela Polícia Militar (PM) baleado na Avenida Otávio Mangabeira, nas proximidades das quadras da bairro.

Em contato com o Varela Notícias, a família do rapaz acredita que a motivação tenha sido homofobia, e pede ajuda para solucionar o caso: ” Precisamos da ajuda da imprensa para que a justiça seja feita e os culpados paguem pela brutalidade que cometeram. Dois homens foram presos, na noite do crime, na região, com uma arma do mesmo calibre que ele foi morto e os suspeitos podem ser soltos a qualquer momento”.


Por volta da 0h da última quarta-feira (30), policiais militares da 39ª Companhia Independente (CIPM/Boca do Rio) foram acionados pelo Cicom com uma denúncia de disparos de arma de fogo, na Avenida Otávio Mangabeira, nas proximidades das quadras da Boca do Rio e o antigo Aeroclube. No local, a equipe encontrou Wendell sem sinais vitais.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

Nesta terça (5), às 12h, vai acontecer a missa de 7º dia do jovem, que será realizada na Igreja do Centro Administrativo da Bahia (Ascenção do Senhor). O enterro aconteceu na última sexta (1), no Cemitério Bosque da Paz.



COMENTÁRIOS
RELACIONADAS
-->

-->