Home » Notícias » Mundo » Japão e Estados Unidos passam a exigir teste negativo de Covid-19 nos aeroportos
- Atualizado em 13/01/21 às 10h40

Japão e Estados Unidos passam a exigir teste negativo de Covid-19 nos aeroportos

Nos Eua, companhias aéreas serão obrigadas a impedir o embarque de passageiros que não possuam teste negativo

Foto: Reuters/ Lucas Jackson/ Direitos Reservados

Redação VN e Agência Brasil

O Japão começou a solicitar que todos os viajantes vindos do exterior que desembarquem no país mostrem um atestado de que receberam resultado negativo para o coronavírus no período de 72 horas antes de terem deixado o local de origem.

A medida entrou em vigor hoje (13), após declaração de estado de emergência em Tóquio e três províncias vizinhas na semana passada. No Aeroporto de Narita, perto de Tóquio, autoridades já verificavam os resultados de testes de passageiros em desembarque e conduziam exames adicionais.

Os atestados devem, agora, ser apresentados por todos que entram no país, incluindo cidadãos japoneses e certas categorias de estudantes estrangeiros, que haviam sido excluídos da medida anteriormente.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

Já nos Estados Unidos (EUA) o teste negativo será obrigatório a partir do dia 26 de janeiro. Segundo o Centro para o Controle de Doenças (CDC, na sigla em inglês), o teste só será aceito se tiver sido realizado nos três dias anteriores à partida do voo para os Estados Unidos.

As companhias aéreas serão obrigadas a impedir o embarque de passageiros que não possuam teste negativo ou, em alternativa, prova de que tenham se recuperado de uma infeção do novo coronavírus.

Tópicos: ,
Link:


COMENTÁRIOS
RELACIONADAS