Home » Notícias » Governo faz projeto de reajuste salarial após a tensão de uma possível greve dos Policiais Militares
- Atualizado em 19/03/14 às 09h18

Governo faz projeto de reajuste salarial após a tensão de uma possível greve dos Policiais Militares

Governador criou o projeto de reajuste salarial para servidores públicos e incluiu Policiais Militares

Um projeto de lei deverá ser enviado pelo governador Jaques Wagner a Assembleia nesta quarta-feira (19). O projeto conta com a proposta de um reajuste salarial para servidores públicos e policiais militares.

Foto: Reprodução internet

Foto: Reprodução internet

O governo ainda não informou qual será o índice do reajuste, mas deverá usar cálculo semelhante ao de 2013 e o aumento deve ficar próximo ao da inflação do ano passado que foi de R$ 5,59%. A primeira parte será retroativa a janeiro e a segunda parte entrará na folha de pagamento a partir do segundo semestre.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

A inclusão dos PMs no reajuste aconteceu devido a tensão causada pelo surgimento reunião que será nesta sexta-feira (21) no Wet’n Wild (Paralela). Participarão do encontro seis associações que representam a categoria dos Policiais Militares, entre elas a Associação de Policiais e Bombeiros e de Seus Familiares do Estado da Bahia (Aspra), que organizou o movimento de 2012.

O coronel Alfredo Castro já tranquilizou a população sobre a possível greve com discurso já emitido pelo Varela Notícias: “Não existe clima para radicalização. Pelo contrário, há clima para estudar, dialogar, projetar e analisar com muito cuidado, para não se perder o que já foi obtido, nem perpetuar situações e procedimentos que não interessam nem aos policiais militares nem aos demais integrantes da sociedade. O discurso e boato infundados é um contrassenso frente a esse momento de diálogo que agora foi estabelecido” disse o Coronel em entrevista realizada nesta segunda-feira (17).



COMENTÁRIOS
RELACIONADAS