Home » Política » Ex-presidentes do Brasil são convidados a tomar CoronaVac em SP
- Atualizado em 19/12/20 às 09h31

Ex-presidentes do Brasil são convidados a tomar CoronaVac em SP

Sarney, FHC e Temer já confirmaram presença na campanha

Foto: Montagem/ VN

Redação VN
redacao@varelanoticias.com.br

O governador de São Paulo, João Doria (PSDB) convidou ex-presidentes do Brasil para tomarem a vacina contra a Covid-19 produzida pelo Instituto Butantan em parceria com a farmacêutica chinesa SinoVac.

Segundo o jornal Folha de São Paulo, foram convidados José Sarney (MDB), Fernando Collor de Mello (PROS), Fernando Henrique Cardoso (PSDB), Luiz Inácio Lula da Silva (PT), Dilma Rousseff (PT) e Michel Temer (MDB).

Ao aceitar o convite, Temer afirmou que quer dar exemplo e motivar os brasileiros. José Sarney também aceitou o convite e pontuou que “a vacinação deve ser um ato normal para todos os brasileiros, sendo o único caminho para deter a tragédia da pandemia de Covid-19”. FHC também aceitou participar da campanha.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

Já a ex-presidenta Dilma Roussef (PT) afirmou que está em Porto Alegre e não pretende ir à São Paulo. Entretanto, caso o governador envie uma dose, ela aceita ser imunizada.

O ex-presidente Lula afirmou que está em Cuba, mas pretende, sim, usar o imunizante.

Segundo Doria, a vacinação no estado começa no dia 25 de fevereiro. Caso a campanha seja aprovada, Sarney, FHC, Lula e Temer já poderiam receber o imunizante no dia 8 de fevereiro. Por causa da faixa etária, Collor e Dilma só seriam imunizados no dia 15 do mesmo mês.



COMENTÁRIOS
RELACIONADAS
-->

-->