Home » Notícias » Salvador » Detenta do regime fechado tem autorização da Justiça para iniciar graduação na Ufba
- Atualizado em 03/09/20 às 08h26

Detenta do regime fechado tem autorização da Justiça para iniciar graduação na Ufba

Quando aulas voltarem a ser presenciais, Defensoria afirma que irá trabalhar para garantir continuidade do estudo

(Foto: reprodução/Google Street View)

Redação VN
redacao@varelanoticias.com.br

Condenada a 25 anos de prisão, uma detenta que está presa em regime fechado no Conjunto Penal Feminino de Salvador foi autorizada pela Justiça a iniciar um curso de graduação na Universidade Federal da Bahia (Ufba). A mulher vai começar a estudar no semestre suplementar da instituição, à distância, a partir de 8 de setembro. O nome dela não foi divulgado.

A juíza Maria Angélica Carneiro, da 2ª Vara de Execuções Penais, responsável pela autorização, informou em documento que o direito à educação e a dignidade da pessoa humana andam juntas. A autorização também se encaixa nos objetivos da execução penal, que busca a criação de condições que permitam que os detentos possam ser reinseridos na sociedade.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

No momento, a decisão vale apenas para aulas remotas, no entanto, quando o ensino voltar a ser presencial na Ufba, a Defensoria Pública do Estado da Bahia (DPE-BA) informou que irá trabalhar para garantir a continuidade do estudo. Dos 25 anos aos quais foi condenada, a mulher já cumpriu mais de nove.

Tópicos: ,
Link:


COMENTÁRIOS
RELACIONADAS
-->

-->