Home » Entretenimento » Entretenimento Bahia » Cabeleireiro das estrelas sofre racismo após “provocar” Sthe Matos
- Atualizado em 15/10/20 às 00h30

Cabeleireiro das estrelas sofre racismo após “provocar” Sthe Matos

Bruno Brasil foi chamado de “macaco” nas redes sociais

Foto: Reprodução/Instagram

Pietro Baddini
redacao@varelanoticias.com.br

O cabeleireiro Bruno Brasil desabafou nas redes sociais, após sofrer um ataque de racismo no Instagram nesta última segunda-feira (12). O caso aconteceu após o cabeleleiro postar um vídeo batendo na porta da blogueira Sthefane Mattos, a chamando de “biscoito quebrado”, termo utilizado para definir quem quer chamar atenção, mas não consegue. Nas redes sociais, utilizado para quer like e não tem sucesso.

A “provocação” do cabeleireiro gerou revolta nas seguidoras de Sthe, que prontamente iniciaram os ataques, com palavras de baixo calão, inclusive o chamando de “macaco”.

A discussão e os xingamentos continuaram através do direct no Instagram. ” Eu sofri preconceito hoje de racismo.Eu não liguei, porque levo na brincadeira. Mas tem muita gente cobrando que preciso me posicionar. Vou dar queixa na delegacia criminal. Me ameaçou jogar ácido. Eu sou pai de família, tenho filho. Daqui a pouco uma fã dessa joga mesmo em mim. Sou muito querido por todo mundo. Uma pessoa me chamar de macaco é inadmissível. Muita gente me cobrando, então irei dar queixa sim”, desabafou o profissional. A ex-dançarina Rosiane Pinheiro também se manifestou no Instagram com uma mensagem de apoio a Bruno Brasil.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

“Tem que se posicionar sim, amigo! Não pela cobrança das pessoas mas pelo fato de racismo ser crime e atitudes criminosas precisam ser combatidas. Quando denuncia você passa a dar voz a outras pessoas que sofrem também. #vidasnegrasimportam”, disse outro fã.

“Gentileza gera gentileza, porrada gera porrada”, concluiu o hair stylist em novo vídeo publicado nesta quarta (14). O caso segue em investigação.

Tópicos: ,
Link:


COMENTÁRIOS
RELACIONADAS