Home » Política » ACM Neto fala sobre última participação na Lavagem do Bonfim como prefeito: “Expectativa e ansiedade”
- Atualizado em 16/01/20 às 18h15

ACM Neto fala sobre última participação na Lavagem do Bonfim como prefeito: “Expectativa e ansiedade”

Neto falou sobre a sua oitava e última participação no cortejo como Prefeito de Salvador

Foto: Reprodução/Instagram

Redação VN
redacao@varelanoticias.com.br

Presente na Lavagem do Bonfim, na manhã desta quinta (16), o prefeito ACM Neto falou sobre a sua oitava e última participação no cortejo como gestor da cidade de Salvador.

“Eu diria que esse ano, com certeza, com coração até mais apertado, afinal de contas é o oitavo e último ano como prefeito, acordei 5h20 da manhã, bastante ansioso, antes até do que eu tinha programado para acordar. Mas em função exatamente dessa expectativa e ansiedade para viver nossa última Lavagem como prefeito”, contou.

Neto contou sobre o sentimento que carrega após todos estes anos. “Eu diria que o mais importante é o sentimento de dever cumprido. É ter acompanhado esses oito anos de caminhada, representando nossa cidade”.

“De um lado, como cidadão, vindo trazer meu coração e minha fé. Mas do outro lado também como prefeito, que ao longo desses 8 anos procurou oferecer o melhor possível para a sua cidade. Por isso, fui merecedor, graças a Deus, do carinho, do reconhecimento e da confiança do povo baiano, nas oito lavagens do Bonfim que cumpri como prefeito. Nas 7 até aqui, espero que a oitava da mesma forma”, afirmou Neto.

Questionado se continuaria frequentando a celebração mesmo após deixar a gestão municipal, Neto disse não saber responder e explicou que a sua presença no festejo não começou quando se tornou prefeito.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

“Olha, o futuro a Deus pertence. Não sei aonde estarei no próximo ano neste período. Eu participo da Lavagem muito antes de ser prefeito, muito antes de entrar na política. Eu faço com gosto, diria que com o coração mesmo, afinal de contas o mais importante é a minha fé e é isso que eu procuro trazer comigo nas caminhadas. Agora, o que vai acontecer no próximo ano é outra história. Vamos dar tempo ao tempo”, disse Neto.

Neto chegou a falar sobre a ausência do Governador Rui Costas, que por problemas de saúde não pôde estar presente no cortejo. Na ocasião, o prefeito disse que esta situação não é parâmetro para nada.

“Nunca isso é parâmetro necessário para nada. O governador não está aqui por questões de saúde, já devidamente justificadas, o que interessa é que nós estamos e vamos cumprir nosso compromisso, com a nossa fé e com os baianos em mais uma caminhada. Não me preocupo com o que vai acontecer ou deixar de acontecer no cortejo com os nossos adversários”, disse.

“Me preocupo apenas com o trabalho que a gente vem fazendo e vamos fazer até o final do ano. E com toda caminhada, que não é só a de hoje. A de hoje é a da fé, do coração, mas com toda caminhada política também que vai acontecer nesse ano de 2020”, concluiu o prefeito.



COMENTÁRIOS
RELACIONADAS