Home » Notícias » Salvador » 3 vezes em 3 dias. Empresa de telemarketing é evacuada após funcionários passarem mal
- Atualizado em 10/05/13 às 15h18

3 vezes em 3 dias. Empresa de telemarketing é evacuada após funcionários passarem mal

Substância de cheiro forte causa intoxicação. Ambulâncias fazem o socorro das vítimas

Foto: Divulgação/ Correio da Bahia

Foto: Divulgação/ Correio da Bahia

Na manhã desta sexta-feira (10), funcionários da empresa de telemarketing Contax mais uma vez enfrentaram problemas com um suposto de vazamento de gás. O corpo de Bombeiros ainda investiga de onde vem o cheiro forte sentido pelos funcionários e que causou o mal estar.

A quantidade de pessoas com sintomas de intoxicação é tão grande que uma verdadeira multidão está concentrada na frente da empresa. Pessoas deitadas no chão, funcionários em melhores condições ajudando os que estão mais debilitados, parentes do lados de fora em busca de noticias… muito tumulto. Cerca de 3 ambulância estão fazendo o atendimento das vítimas.

Na quarta-feira (8) houve a primeira contaminação e na noite desta quinta-feira (9) a segunda, cerca de 44 pessoas foram atendidas em 13 ambulâncias do Samu. Segundo os funcionários, alguns colegas foram impedidos de sair do local e familiares foram impedidos de entrar.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

Segundo o Corpo de Bombeiros, a contaminação provavelmente foi causada através do sistema de ar condicionado do prédio onde funciona a empresa.  Ainda de acordo com eles, 12 pessoas tiveram maior necessidade de desintoxicação. “Com sintomas diversos como, tonturas, dor de cabeça, mal estar, vômito, desmaios e sonolência, as 12 vítimas mais debilitadas foram encaminhadas nas ambulâncias como uso de soro e máscaras de oxigênio. O Salvar considerou o acidente como grave e realizou encaminhamentos para o HGE. “ finaliza a nota enviada pelos Bombeiros.

A Contax em nota informou que não existe nenhum vazamento de gás na empresa e culpou a ‘aplicação do produto Emulsão CN30 para asfaltamento do estacionamento da Arena Fonte Nova, estádio que se localiza em frente ao edifício da empresa.’ Um Boletim de ocorrência foi registrado pela empresa na Delegacia da 1ª Circunscrição Policial contra a obra da Fonte Nova.

Parentes e amigos das vítimas além dos próprios funcionários questionam como apenas a empresa foi afetada pelo cheiro e os moradores da região não. Só após o fim das investigações é que a resposta será dada pelo Corpo de Bombeiros.

Link:


COMENTÁRIOS
RELACIONADAS
-->

-->